Nota: Não está sendo fácil – Atualizações

por em 27 de março, 2020 Comente
não está sendo fácil

Se tem uma frase que resume bem o momento, essa frase é “não está sendo fácil”.

Com tudo que está acontecendo, não é de se surpreender que as pessoas estejam cansadas, tanto física quanto mentalmente. E a equipe do Ellendo está exatamente no mesmo modo que todo mundo: estresse para todo lado.

Optamos por um post de atualizações para hoje dado que está quase impossível ter concentração suficiente para produzir qualquer coisa. Essa foi a nossa forma de nos darmos uma folga, mas sem deixar de atualizar. Basicamente vamos contar como estamos lidando com a atual situação que estamos vivendo + o que estamos lendo e assistindo.

Aproveitem para compartilhar com a gente como vocês estão.

● Natália

Estamos vivendo tempos atípicos e estressantes neste momento. O risco de viver em meio a uma pandemia, não poder sair de casa, o acúmulo de notícias ruins… Muita coisa rondando na cabeça de todos. A importância de se precaver nesses tempos, não apenas fisicamente, mas mentalmente, é imprescindível.

É por isso que eu, particularmente, tenho tentado ao máximo me distrair, lendo livros que abandonei e colocando as séries em dia hehehe.

Fazia pelo menos duas semanas que eu não assistia algumas séries que estão vigentes. No primeiro dia após ser dispensada para home office, organizei tudo o que devia assistir. Foram de dois a três episódios das séries: This is Us, A Million Little Things, The Bold Type, The Sinner, Brooklyn Nine-Nine, Liar, Better Call Saul, Outlander e Good Trouble.

Maratonei ainda as séries The Chef Show (do incrível Jon Favreau, em que ele cozinha com um grande amigo e recebe convidados, celebridades e chefs famosos) e Modern Love (uma antologia baseada em uma coluna do The New York Times, narrando amores improváveis, impossíveis, bonitos, tristes e nem um pouco clichês). Pretendo ainda maratonar a segunda temporada de Kidding, série do Jim Carrey que teve como base a vida de Fred Rogers, personalidade muito querida para as crianças norte-americanas.

Minha leitura está lenta, principalmente porque estou lendo um livro com um tema que não me interessa muito, chamado Ardil-22. Mas consegui passar de 7% para 27% lido.

Assisti apenas dois filmes que estavam há muito tempo na minha lista da Netflix, embora tivesse como objetivo maratonar os filmes mais novos do 007.

● Ellen

Já tem algum tempo que estou em isolamento social por questões de (falta de) saúde, mas ainda assim a quarentena está se provando bem difícil. É um acúmulo gigantesco de coisas na minha cabeça e imagino que muitas outras pessoas estão na mesma situação. Não está sendo fácil ter transtornos mentais em época de pandemia. Não que seja fácil em qualquer outro momento, mas com certeza ficou muito pior. Como me conheço bem, já dobrei a quantidade de coisas que para fazer e estou controlando melhor meu tempo em redes sociais.

Aumentei meu número de distrações, mas obviamente sigo assistindo vários animes. Maratonei alguns como School babysitters, Ookami shoujo to kuro ouji, Beastars e Fruits basket (2019). O único que não gostei foi Beastars, a ideia é boa, mas achei a execução bem mais ou menos.

Além das maratonas, sigo assistindo animes da temporada de inverno. Achei que foi uma temporada muito fraca no quesito estreias, não teve uma que entrasse na minha categoria de “ansiosíssima para o episódio da próxima semana”. Mas gostei bastante de In/Spectre (Kyokou suiri) e Science fell in love, so I tried to prove it.

Cada dia que passa tenho mais certeza que desaprendi a ler. Eu já estava com dificuldade para ler e piorou com tudo que está acontecendo. Comecei três livros no começo do mês e ainda não passei da página cem em nenhum deles. Essa semana finalmente consegui ler um mangá, fiquei até emocionada.

Os itens novos na minha lista de aprendizado e distração são yoga e curso de japonês. Sempre quis fazer yoga, enrolei durante anos porque me faltava coragem, mas finalmente comecei e até os meus pés estão doendo. E já faz uns meses que sou autodidata em japonês, mas achei um curso gratuito na internet e decidi tentar.

Tópicos Relacionados

Ellen Silva
Amo livros, séries, animes e procrastinar.
Você também pode gostar...
0 Comentários
Deixe Um Comentário